Pele

Saúde da pele

Renovação celular melhora resposta a tratamento

Loading Likes...

Hormônios vegetais

Capazes de renovar as células profundas da pele, os hormônios vegetais utilizados em medicamentos tópicos e cosméticos são eficazes e não traumatizam a pele, aumentando os efeitos dos tratamentos empregados para rejuvenescer os pacientes, que devido à comodidade e à redução dos efeitos colaterais aderem mais facilmente à terapia.

Atualmente o tratamento contra o envelhecimento e a busca por uma aparência melhor, extremamente valorizada pela sociedade, são as causas mais frequentes de consultas aos dermatologistas. Nesse sentido, a renovação celular desempenha um papel fundamental, já que torna a pele mais fina e com isso ela absorve com mais facilidade os produtos e responde melhor às técnicas utilizadas pelos especialistas, potencializando o sucesso terapêutico.

“Quase todas as formas de tratamento da pele precisam do processo de renovação celular. O ideal é que antes da aplicação de um laser, dos peelings e de outros procedimentos a pele esteja bem mais fina, assim a oxigenação celular será maior e melhor, proporcionado uma resposta mais eficaz”, informa a Dra. Adriana Vilarinho, médica dermatologista, membro das Academias Brasileira e Americana de Dermatologia.

O processo de renovação celular pode ser obtido de forma eficiente e suave com o uso de fitormônios, substâncias vegetais responsáveis pelo crescimento das plantas, capazes de renovar as células profundas, atrasando e revertendo as alterações provocadas pelo envelhecimento da pele, ou seja, diminuindo a aspereza, as manchas e as rugas finas, sem provocar irritação ou vermelhidão. “Os fitormônios têm melhor ação na renovação e na hidratação da pele, estimulando a replicação celular”, acrescenta a Dra. Vilarinho.

Segundo ela, o uso de fitormônios está melhor indicado para o tratamento das peles mais maduras, geralmente em pessoas com mais de 35 anos de idade. Recentemente, o hormônio vegetal tem sido testado e empregado no tratamento da renovação celular e na associação com outros produtos e métodos terapêuticos.

“A N-furfuriladenina atua na estrutura celular da pele, melhorando o que chamamos de cimento tissular, ou seja, proporcionando melhora na adesão entre as células da pele. Por isso a N-furfuriladenina pode ser utilizada em associação com ácidos, peelings e lasers, potencializando a ação dessas opções terapêuticas. Dentro do seu mecanismo de ação, a N-furfuriladenina pode ser considerada uma boa opção no tratamento da renovação celular da pele”, esclarece a dermatologista.

Os estudos realizados até agora com a N-furfuriladenina mostram uma redução de 97% da aspereza, manchas e rugas finas da pele, em pacientes que usaram a substância por um período de 24 semanas. Outra vantagem é a possibilidade do uso desse fitormônio durante o dia, já que o medicamento não é fotossensibilizante. Sendo assim, a aplicação do fitormônio pode se tornar uma tarefa habitual em vez de um serviço incômodo para o paciente, facilitando a adesão ao tratamento.

 

 

Ana Sodré

Sentir-se bem em fazer o bem… Sou antes de tudo um ser humano que ama a vida e estou sempre em busca de um mundo melhor. Atuei nos últimos 30 anos como empresária e editora, destacando três grandes publicações, a Revista Médico Repórter e o Jornal Hipócrates, atingindo a classe médica. E, por 2 anos a Revista Aimè, voltada para o público gay masculino, com venda em banca no âmbito nacional, sendo também distribuída na Argentina e em Portugal. A repercussão foi muito positiva, do qual recebi um prêmio Mulher Excelência 2009 - CIESP. Ao receber o convite para ser parte do Instituto - “Eu Causo”, foi como um raio de sol iluminando o meu horizonte… Envolvida na saúde, ao longo destes anos me deparei com diversas situações, oras boas, outras nem tanto, porém algo sempre me chamou a atenção, a fragilidade do Ser Humano. Pude perceber de perto, o quanto estamos vulneráveis mediante uma doença, quer seja em causa própria, ou de alguém da família, um amigo... Com base nessa premissa, agarro este projeto com o mesmo propósito: contribuir, através da informação, para um melhor estar! Estarei comprometida a identificar os avanços da medicina em prol da saúde, em responder as demandas da população; e vendo como as pessoas se conectam mais, me engajarei para que cada um de vocês utilize este portal, na certeza que irão encontrar um espaço acolhedor e aglutinador, para que juntos, possamos alcançar um estado de felicidade. Eu escolhi cuidar! … Eu causo!… E você?

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.