Saúde Animal

Cães cegos explorados em criadouros são adotados e se tornam melhores amigos

Os cães Maise e Keller tiveram a mesma origem triste: nasceram em criadouros que exploram animais para lucrar com a venda de filhotes. Por conta da reprodução cruel imposta a...

Loading Likes...
Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Os cães Maise e Keller tiveram a mesma origem triste: nasceram em criadouros que exploram animais para lucrar com a venda de filhotes. Por conta da reprodução cruel imposta a estes animais, muitos nascem com algumas deficiências. No caso deles, ambos são cegos e surdos.

Apesar de terem nascido em criadouros diferentes, os dois cães foram considerados sem valor por conta das deficiências. Porém, acabaram tendo a sorte de serem acolhidos por uma família amorosa, que ajudou e uniu os animais.

Maise é um pastor australiano e Keller é um Dogue Alemão (também conhecido como Cão Dinamarquês). Os dois possuem uma anormalidade genética que é duas cópias do mesmo gene, o que causou a cegueira e a surdez.

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Kathryn Woodward adotou Keller ainda filhote, quando um criador lhe deu o animal por considerar que ele não iria lhe trazer lucros por ser cego e surdo. Kathryn recebeu o cão com muito amor e pesquisou e se informou sobre as condições do animal.

Já Maise foi vendida ainda filhote, porém seus compradores não sabiam de suas condições. Ao perceberem que a cadela, de apenas 4 semanas, era cega e surda, eles a colocaram à venda em um site on-line. Ao ver o anúncio, Kathryn ficou preocupada com Maise e então decidiu levar a cadelinha para a sua casa.

Quando Kathryn levou Maise para sua casa em agosto, Keller imediatamente pareceu se portar como um cuidadoso irmão mais velho. De acordo com Kathryn, os cães têm sido melhores amigos desde o primeiro dia. “Honestamente, eles parecem saber que eles têm algo em comum”, conta Kathryn.

Keller ajuda a guiar Maise dentro de casa, caminha ao lado dela e a cadelinha sempre dorme nas penas de seu novo e enorme amigo, parecendo se sentir mais segura dormindo desta forma.

O apoio que Maise está recebendo de seu irmão mais velho adotivo chegou no momento em que ela mais precisava, e realmente está ajudando bastante.

Maise está na casa de Kathryn apenas como lar temporário e um dia terá que encontrar sua própria casa. Porém, as lições que ela está aprendendo com seu amigo que é exatamente igual a ela irão durar a vida inteira.

Fonte: ANDA

Anda.jor.br

A ANDA difunde na mídia os valores de uma nova cultura, mais ética, mais justa e preocupada com a defesa e a garantia dos direitos animais. É o primeiro portal jornalístico do mundo que combate a violência social e a destruição do meio ambiente a partir da defesa dos direitos dos animais. Com profissionalismo, seriedade e coragem, a ANDA abre um importante canal com jornalistas de todas as mídias e coloca em pauta assuntos que até hoje não tiveram o merecido espaço ou foram mal debatidos na imprensa. ...Neste espaço vamos trazer todos os tipos de notícias sobre saúde animal. Como poderão acompanhar, uma grande parte dos animais podem sofrer das mesmas doenças que nos acometem como diabetes, dermatites, nanismo, Alzheimer, cegueira, paralisias e outras mais. Ao mesmo tempo a proximidade e a relação próxima de amor com animais nos traz benefícios, sem que ao menos percebamos! Fiquem sempre atentos à saúde dos queridos membros de sua família, mesmo que sejam de outra espécie!

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.